Resenha: Jogos Vorazes

Livro: Jogos Vorazes
Série: Jogos Vorazes
Autora: Suzanne Collins

Jogos Vorazes pode ser descrito em uma palavra: viciante. Suzanne Collins criou uma história que te prende completamente e te deixa faminto pelo próximo capítulo. Num ritmo frenético com um clima misterioso e envolvente, nos é contada a história de Katniss Everdeen. Narrada pela própria personagem, conhecemos seu universo – Panem – antiga america do norte, onde após várias catástrofes se ergueu o Capital, um governo rígido e frio que comanda os 12 Distritos que compoem Panem. Como prova de seu poder, todo ano o Capital obriga a entrada de 24 adolescentes (um casal de cada Distrito) a entrarem nos Jogos Vorazes. Um reality show onde os tributos são colocados em uma arena com uma única regra: sobreviver. O último tributo vivo vence a competição e ganha riquezas para si e seu Distrito.

Tendo nascido no pobre Distrito 12, Katsniss sabe como sobreviver no selvagem, mas durante todo o caminho ela enfrenta dúvidas e medos além de se preocupar o tempo todo da imagem que o mundo está fazendo dela (Os jogos são transmitidos ao vivo para toda Panem, os melhores tributos tendem a ganhar generosos patrocinadores); esse livro me manteve grudada em suas páginas até o fim, e mesmo depois de terminar um capítulo, ficava pensando na história sem parar. Personagens tão bem descritos que é impossível não se importar com eles.

Por isso, se pretende ler, tenha certeza de estar com a agenda livre. Uma vez que se abre Jogos Vorazes, só se fecha no capítulo final.

Gostou da nossa opinião sobre esse livro? Então clique aqui para comprar a sua edição física ou digital, pelo link do Bookeando e nos ajude a manter o site!

About Rafael Nery

1) Geminiano e Nerd 2) Adoro usar xadrez 3) Amante de quadrinhos, games, filmes e desenhos 4) Estudioso da cultura japonesa 5) Viciado em literatura fantástica